terça-feira, 20 de janeiro de 2015

Amigdalites

Dói-me tanto a garganta que me apetece começar este texto com uma hipérbole e dizer que tenho umas 500 amigdalites por ano. Não é verdade, mas não anda muito longe do número real. Tenho para aí umas 10. A sério. E se algumas não passam de uma grande dor de garganta, outras chegam mesmo a ser infecções respiratórias - tive a última há uns meses. Agora já nem me dou ao trabalho de ir ao médico, a não ser que fique mesmo muito mal, porque já passei demasiado tempo em hospitais, clínicas e outros sítios simpáticos do género. Fiz o teste das alergias, que me disse que sou alérgica a praticamente tudo o que é verde, ao pó e a mil outras coisas. Não sou alérgica a cães nem a gatos (graças a Deus). Não convém estar perto de ares-condicionados, mas isso é completamente impossível hoje em dia. E para além desta dica espectacular, nenhum dos médicos me deu mais nenhuma, basicamente é aguentar e calar. Por isso cá estou, caladinha, até porque cada vez que tenho amigdalites fico rouca.

2 comentários:

  1. Hoje também me doi imenso a garganta e costumo ficar sem voz pelo menos uma vez todos os invernos --. As melhoras!!

    ResponderEliminar