terça-feira, 15 de março de 2016

Correr, correr e correr

E com isto tudo já faz mais de um ano que comecei com esta mania das corridas. Deixei-me de ginásios (praticamente) e pus-me a correr. Sem dúvida que toda a logística é bem mais fácil, mas a motivação tem que ser maior, visto que em princípio não há ninguém a puxar por nós. Admito que há dias que só vou correr mesmo puxada a ferros e começo a correr sem vontade nenhuma, cheia de dores em todo o lado, principalmente na alma. Mas depois há os outros dias, em que a companhia ajuda muito a que os quilómetros passem mais rápido e saibam muito bem. Neste momento sei perfeitamente que preciso de uns ténis, porque os que tenho já se romperam e os outros que tenho não são nada adequados, mas estou a ver se chegam dias melhores... Entretanto vou correndo, com mais ou menos dores, mais ou menos quilómetros. Aqui ficam os registos das últimas corridinhas.






3 comentários:

  1. Eu sou mais de caminhas do que corridas!

    Isabel Sá
    http://brilhos-da-moda.blogspot.pt

    ResponderEliminar
  2. Ao menos tens força para isso. Eu ando a fazer um plano de treinos em que faço corrida intercalada com caminhada (breves minutinhos mesmo) e quase morro. Não tenho ritmo nenhum, não sei respirar sem parecer que vou desfalecer... Mas aos poucos a coisa dá-se :) Quem me dera correr assim 5kms seguidinhos sem custo :)

    ResponderEliminar